Ponto de coleta na Sete de Setembro. Crédito: Diego Lopes


A RS Recicla é parte da solução no cenário de desenvolvimento sustentável, retornando à indústria os resíduos gerados para reciclagem e reutilização no processo produtivo. Ela opera realizando a identificação, coleta, transporte, transbordo, separação e destinação final dos resíduos sólidos e impróprios.

Na 64ª Feira do Livro de Porto Alegre, a empresa de reciclagem, que está sem seu primeiro ano nesta parceria, conta com dois postos de coleta de lixo eletrônico: um ao lado do Espaço do Conhecimento Petrobras (próximo ao MARGS, diante do Banrisul) e outro na extensão da Rua Sete de Setembro, ao lado da barraca 42.

Quanto à reciclagem de lixo eletrônico, é seguida a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), que reúne o conjunto de princípios adotados pelo Governo Federal, com vistas à gestão integrada e ao gerenciamento ambientalmente adequado dos resíduos sólidos.

De acordo com a PNRS, é instituída a responsabilidade compartilhada pelo ciclo de vida dos produtos, a ser implementada de forma individualizada e encadeada, abrangendo os fabricantes, importadores, distribuidores e comerciantes.

A iniciativa se insere entre os esforços desenvolvidos pela comissão organizadora do evento no sentido de incentivar o público da Feira a adotar práticas sustentáveis.

Confira os materiais que podem ser descartados:
– Monitores de computador;
– Telefones celulares e baterias;
– Computadores;
– Televisores;
– Câmeras fotográficas;
– Impressoras;
– Microondas.

Posts Relacionados

Deixe uma resposta