Crédito: Bere Fsicher

No início da noite de sexta-feira (16), a cantora francesa de origem do Benim, Mina Agossi, se apresentou no Auditório Barbosa Lessa, no Centro Cultural CEEE Erico Verissimo. O show “O jazz de Mina Agossi e trio” foi uma parceria entre a Aliança Francesa e a Câmara Rio-Grandense do Livro (CRL). Com sua extensa bagagem cultural, a apresentação uniu o jazz a ritmos africanos, caribenhos e europeus, logo contemporâneo.

Em vez de dizer que a música de Agossi é marcada pela falta de instrumentos, sua harmonia está no ritmo da palma da mão de todos que estão no show, no palco ou não. Até mesmo os silêncios, causados pela imagem divina passada pela cantora, corroboram para o show. Uma conexão entre ela e os músicos se estabeleceu claramente para o público, que respeitou e quis estar presente dessa ligação durante 1h30min.

Crédito: Bere Fsicher


Palmas, percussão, baixo acompanharam a voz de Mina Agossi que iniciou cantando para o Barbosa Lessa lotado “Afro Blue”, música clássica composta pelo cubano Mongo Santamaría (1917-2003) que ganhou letra, anos depois, de Erykah Badu. O jazz tem como grande diferença dos ritmos atuais canções longas, e Agossi explorou essa característica, cantando por mais oito minutos cada música.

As palmas que viraram aplausos pararam mais uma vez para ouvir “Another Life”, música do seu mais recente álbum UrbAfrika. Nesse disco, a cantora buscou se reconectar com o Benim, explorando a tradição musical do país. Mesmo com poucos instrumentos, os solos de cada músico, e a voz de Mina tocaram todos que estavam no auditório. Tanto que até mesmo os que chegaram atrasados ao Centro Erico Verissimo mantiveram uma esperança de conseguir um pequeno lugar para assisti-los.

Fluente em mais de um língua, a cantora cantou “Águas de Março” em inglês, com partes em português, sendo um dos momentos mais marcantes da apresentação. O show de Mina Agossi foi realizado pela Aliança Francesa, após a apresentação única dentro da programação da 64ª Feira do Livro de Porto Alegre, o trio irá para São Paulo, Campinas e Niterói.

Texto – Airan Albino
Fotos – Bere Fischer

Mais fotos no Flickr

Posts Relacionados

Deixe uma resposta