Maria Eunice Garrido Barbieri, conhecida como Marô Barbieri (www.marobarbieri.com), é  escritora, professora e contadora de histórias natural da cidade de Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul. Tem Licenciatura Plena em Letras (Língua e Literatura Portuguesa e Língua e Literatura Francesa) pela PUCRS. Como professora, atuou ensinando língua e literatura de português e francês em turmas de primeiro e segundo graus do Instituto Educacional João XXIII, Colégio Santa Família, Colégio Menino Deus, Colégio Rosário e Colégio Israelita. Autora de 27 livros, Marô destaca-se pelas obras voltadas ao público infantil mas, a partir de 2013, começa a produzir livros para público infantojuvenil e para adultos.

Foto: Diego Lopes

 

Destaques

Prêmio AGES Livro do Ano pelo livro “Pestilóide e o Sumiço na Chuva”, da Associação Gaúcha de Escritores em, 2007;

Troféu Palavra Viva do Sintrajufe, pelo conjunto da obra, do Sindicato dos Trabalhadores da Justiça Federal;

Prêmio AGES Livro do Ano da Associação Gaúcha de Escritores, em 2013, pelo livro “Cirandas de Villa Lobos-Reinvenções”, em parceria com Olinda Alessandrini (pianista) e Clara Pechansky (artista plástica);

Além disso, foi bolsista do CNPQ na Faculdade de Educação da UFRGS no Programa Educom – Informática na Educação – obtendo o 1º lugar no Concurso Anual de Software Educacional Brasileiro – pelo software “Criando histórias com Tartita” – da Secretaria Geral de Informática do Ministério da Educação, em dezembro de 1987.

Como escritora convidada, participou de eventos:

Na Espanha (Encuentro Internacional de Contadores de Histórias e do Maratón de Cuentos – Biblioteca Municipal de Guadalajara – Guadalajara/2003);

Na França (CCGA – Programation de vacances em Thonon-les-Bains e Cran Gevrier/julho de 2003 e nos Rencontres du GFEN, Paris/2011);

Na Bélgica (Rencontre Internacionalle de l´Éducadion Nouvelle em Malonne/2003 e Namur/2011);

No Chile (3º Fórum Mundial de Especialistas em Dramaturgia Infantil e Juvenil, em Santiago/2006);

No Uruguai (1º e 3º Primaverarte- em Ciudad de la Costa/ 2009 e 2011).

Foi também criadora e produtora executiva dos:

I e II Encontro Internacional de Escritores/Contadores de Histórias – “História é pra contar” – Casa de Cultura Mario Quintana e Itaú Cultural – POA – RS – Brasil – 6, 7 e 8 de junho (I) e Universidade de Caxias do Sul – Caxias do Sul – RS – Brasil – 1º, 02 e 03 de junho de 2006 (II);

1º e 2º Fórum de Literatura Infantil e Juvenil – promoção da SMC de Porto Alegre – 18 e 19 de abril/2007 (Porto Alegre); 18 e 19 de abril /2008 (Porto Alegre).

Marô também é uma das pioneiras no trabalho de visita a escolas e municípios, ministrando – desde 1995 – palestras e oficinas no RS, no RJ, no CE e em SP. Até 2014, foi patrona de 22 Feiras do Livro, entre elas Guaíba, Bento Gonçalves, Cachoeirinha, Morro Reuter, Minas do Leão, Triunfo e Flores da Cunha, Canela e Alvorada. Além disso, é madrinha de três bibliotecas que têm o seu nome: em Santa Maria do Herval/RS, em Morro Reuter/RS e em Porto Alegre/RS.

Marô Barbieri foi Presidente da Associação Gaúcha de Escritores (AGEs) nos biênios 2004-2005, 2006-2007, 2010-2011 e é membro do corpo de especialistas em leitura da Casa da Leitura (Proler/Fundação da Biblioteca Nacional). Em outubro de 2014 passou a integrar a Academia Riograndense de Letras, ocupando a cadeira de número 15.

Posts Relacionados